mensagem ao leitor

Obrigado por sua visita

terça-feira, 19 de julho de 2016

Primeira ‘Escola Digna’ é inaugurada no Maranhão

Inauguração da primeira escola Digna foto Gilson Teixeira (19)-1Durante a inauguração da escola, o governador Flávio Dino destacou que o programa ‘Escola Digna’ é fundamental para esta gestão
Ainda de acordo com Flávio Dino, esta é uma autêntica revolução que começa hoje. “Entregamos aqui, simbolicamente, a escola número 01, deste programa dedicado a apoiar aos municípios, e chegaremos ao final da nossa gestão com 300 novas escolas”, destacou o governador.
Sobre as perspectivas dos alunos, Flávio Dino falou que foi uma imensa alegria estar ali e constatar que uma nova esperança se abre na vida deles. “É o momento que faz com que valha a pena o nosso esforço, a nossa dedicação, a nossa determinação, para fazer grandes transformações, que podem começar em pequenos lugares”, finalizou.
Pelo menos 31 unidades já estão em fase de construção em municípios como Conceição do Lago Açu, Pedro do Rosário, Paulo Ramos e Marajá do Sena, que tem um dos piores IDHs do Brasil. Outras 73 unidades encontram-se em fase de licitação, para início das obras. Nessa primeira fase do Programa, serão construídas escolas de 1, 2, 4 e 6 salas de aula.
Mesmo sendo atribuição dos governos municipais a oferta do ensino fundamental, o Governo do Maranhão assumiu a responsabilidade de construção das escolas, em regime de colaboração com as prefeituras, que poderão transferir seus alunos para edificações de alvenaria. Esta primeira, foi construída em parceria com a empresa Agroserra, com capacidade para atendimento de 50 alunos por turno; duas salas de aula; sala multimeios; diretoria; banheiros; cozinha e pátio central.
“A inauguração da primeira unidade do programa Escola Digna representa um avanço importante para a educação maranhense, pelo resgate da dignidade e a garantia de condições adequadas para que os alunos aprendam com qualidade e os professores desempenhem suas atividades para formação dos cidadãos, que são futuro do Maranhão”, destacou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.
Reconstrução
O ‘Escola Digna’ vai além da substituição de escolas de taipa por prédios de alvenaria. Constitui-se no maior programa de investimentos em educação básica da história do Maranhão, que ainda inclui assessoria técnico-pedagógica às Secretarias Municipais de Educação, formação de professores, combate ao analfabetismo e a recuperação e manutenção dos prédios da rede física escolar estadual.
No total, serão construídas 300 novas escolas em todas as regiões do Maranhão a partir do Programa Escola Digna. Este ano serão 150 e em 2017 mais 150. O Governo também está reconstruído 63 escolas com recomposição do telhado, parte elétrica, instalação de ar condicionado, forro, piso, revestimento nas paredes, construção de novos banheiros, reforma de auditórios e refeitórios.
8cdc6e97-f052-425e-8749-0fc3a020f984-1024x682
A comunidade, localizada na região Sul do Estado, antes isolada, foi escolhida para receber a primeira unidade do programa ‘Escola Digna’, criado pelo governador Flávio Dino. Fotos: Gilson Teixeira
www.seduc.ma.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

seu comentário passará por uma análise da redação brevemente será publicado